O problema do uso de antibiótico sem necessidade

Eu perco as contas de quantas crianças chegam no consultório usando antibiótico sem necessidade.


Seja pra otite, sinusite, dor de garganta, febre sem nenhum outro sintoma...já contei alguns casos no Instagram.


Muitas vezes esse uso se dá sem recomendação médica. Mas mesmo quando são prescritos por um profissional, até metade das indicações podem ser desnecessárias.



Sabe o que isso significa? Que de 10 crianças com receita de antibiótico, 5 podem estar usando sem necessidade!


E muitas pessoas acham que mal não vai fazer mas pode fazer muito, muito mal.


Quando utilizado de maneira indiscriminada o uso de antibióticos favorece o surgimento de superbactérias.


Ou seja: o uso sem indicação e em excesso não vai somente não fazer efeito para aquela doença, ele pode deixar as bactérias mais resistentes e tornar esse medicamento ineficaz no seu combate.


Se no futuro a criança tiver uma infecção que realmente precise de antibiótico, vai precisar de um ainda mais forte para combater aquela bactéria.


Então, jamais dê antibiótico para o seu filho sem recomendação médica e busque sempre a orientação de um profissional de sua confiança, que acompanhe e conheça o seu filho, para não ter o risco de ter uma prescrição de antibiótico sem necessidade.


Quantas vezes o seu filho já tomou antibiótico na vida?


Dra Barbara Sisnando - Otorrinolaringologista, Otorrino pediatria

Consulta online Rio de Janeiro e todo o Brasil

Consultas e exames

5 visualizações0 comentário